Luciane e o sorriso

Segundo Lewis Carroll, o gato de Cheshire quando sorria, por um encantamento, uma magia, talvez uma esperteza, fazia a sua figura desaparecer e só lhe ficava o sorriso, cheio de alvos e lindos dentes. A Lu tem o vasto sorriso do simpático gato, mas ela não desaparece quando sorri. Bem, se isso acontecesse, ela seria um eterno e solitário sorriso no meio, muitas vezes, cinzento e nebuloso da existência. A simpatia, inteligência, bom gosto, educação, força de vontade, exigência, entre outras boas qualidades, fazem da Luciane Andreoni Scuissiatto uma batalhadora e uma vencedora na sua profissão. Seu sorriso comunicativo indicou seu caminho: a comunicação. Depois de se formar no curso de publicidade e propaganda da PUCPR fundou junto com sua amiga Alessandra a agência de publicidade que hoje se chama Vibro. Com competência e a levar a resultados práticos, faz todos os seus clientes sorrirem de satisfação como ela. Curitibana de nascimento e gaúcha de coração, de família originária do bravo Rio Grande do Sul, tem o jeito de uma genuína prenda. Caminhadas, spinning, ginástica, exercícios, Lu não deixa de fazer para compensar o árduo trabalho na agência e os churrascos que Júnior, seu marido, prepara à maneira gaúcha, apesar de ser curitibano da gema. E quando pensa ou fala de sua filha Giulia seu sorriso é capaz de abrir-se mais e mais e a ficar imenso, pairando no ar.

Dico Kremer

Luciane Andreoni Scuissiatto


TAMBÉM NOS ENCONTRAMOS AQUI: